A IMPORTÂNCIA DE DEFINIR A CULTURA ORGANIZACIONAL DE SUA EMPRESA

A cultura organizacional existe em todas as empresas, independentemente do seu tamanho e do seu segmento de atuação, pois está ligada a um conjunto de pessoas e suas crenças, hábitos, percepções, valores, etc. Para aquelas organizações que buscam um crescimento, direcionamento e o sucesso em suas estratégias, é necessário definir a cultura organizacional e garantir que ela esteja de acordo com os valores da instituição e suas prioridades.

Mas você sabe o que é a cultura organizacional? Ela é um conjunto de valores, crenças, rituais e normas que são compartilhados por um grupo de pessoas inseridas em um mesmo ambiente empresarial e está presente em todos os níveis hierárquicos. É um norteador para os funcionários no que diz respeito ao desenvolvimento da empresa, do comportamento, do foco e das estratégias, que devem estar alinhadas também à missão e à visão da organização.

Quando a cultura é bem desenvolvida e claramente estabelecida no ambiente, ela proporciona diversos benefícios à organização, como o aumento da produtividade e da motivação dos colaboradores, por exemplo.

Mas se você quer entender um pouco melhor a importância de definir a cultura organizacionalna sua empresa, fique tranquilo que eu te explico!

Clareza de objetivos para definir a cultura organizacional

Não basta somente a cultura organizacional estar bem definida e alinhada com o que a empresa busca. É necessária também uma eficiente comunicação com a equipe, visando ao esclarecimento dos objetivos e à compreensão das regras que regem o negócio.

Isso orienta os funcionários para uma atuação que seja correspondente ao que a organização busca e ao crescimento esperado, aumentando, dessa maneira, a produtividade e o desenvolvimento de talentos.

Desenvolvimento contínuo

Quando a cultura organizacional é bem trabalhada, a empresa encontra, em sua equipe, funcionários que buscam o crescimento pessoal e o alto rendimento em suas tarefas, integrando às suas funções novas ideias, um maior comprometimento, o aumento da produtividade e uma visão empreendedora.

Essas ações acabam envolvendo os demais colaboradores que se sentem motivados e envolvidos com os resultados alcançados pelos companheiros, trazendo a percepção do coletivo.

Nesse caso, cabe aos gestores o gerenciamento das ações da equipe, visando à manutenção dos bons resultados e da busca pelo desenvolvimento contínuo.

Integração da equipe

A cultura organizacional bem trabalhada traz para a empresa um clima organizacional agradável, que desenvolve nos colaboradores a percepção da importância do trabalho em conjunto e a orientação para os resultados.

Buscando atingir os objetivos passados e o bem comum para a empresa, a equipe alcança uma maior integração para somar as forças existentes.

Recrutamento mais eficiente

Para obter melhores resultados nos processos de recrutamento e de seleção, é fundamental que as características buscadas em um candidato estejam bem definidas e de acordo com a cultura da empresa.

Quando o recrutador não se atenta a esse fato, ele integra à equipe um colaborador desalinhado com os objetivos e acaba por afetar o desempenho dos demais colegas de trabalho. Contudo, quando é contratada a pessoa certa, que possui características que atendem ao perfil cultural, a empresa se beneficia de funcionários que são capazes de somar as forças e buscar um objetivo comum.

Ações para o dia a dia

Para que todos os setores da equipe estejam integrados e atualizados sobre a cultura da empresa é extremamente importante promover ações simples, porém, muito eficientes, como:

  • divulgação de informativos nos murais localizados nos setores de maior concentração de colaboradores;
  • inserção de banners na recepção;
  • agendamento de encontros periódicos para alinhar as ideias;
  • criação de uma política de diálogo transparente nas plataformas digitais.

Ao transformar o local de trabalho em um ambiente harmonioso, a equipe, em diferentes escalas e setores, compreende de forma mais clara a necessidade de realizar suas tarefas com excelência, pois todos sabem as possibilidades de crescimento dentro dos valores da empresa e conhecem muito bem a organização que representam.

Reações diferentes

Ao lidar com um grande número de pessoas dentro do sistema organizacional, é comum esquecer-se de que cada membro da equipe poderá reagir de modo diferente às ações de valores implementadas, principalmente, se causarem alguma mudança dentro da rotina de trabalho.

Os comportamentos diferenciados precisam de atenção especial para verificar os pontos em que os funcionários enfrentam dificuldades de adaptação. Dentro do processo podem existir estágios de negação, resistência e negocião.

Nem sempre as reações do profissional acompanham essa ordem, no entanto, é necessário gerenciar todas as etapas de forma atenciosa.

Estratégia pouco conhecida

Quando a cultura organizacional é identificada diante de uma nova visão, diversos planejamentos podem não sair conforme o esperado e gerar problemas entre os colaboradores.

A filosofia da matriz de influência é uma das opções para trabalhar as motivações de cada membro da equipe que apresente dificuldades de adaptação. O processo consiste em identificar os dilemas individuais e se atentar de forma exclusiva às motivações do colaborador em questão.

O foco precisa ser direcionado para as pessoas que aparentam ter mais resistência às adaptações da empresa. Caso o processo não funcione a longo prazo, optar pelo desligamento pode ser a melhor solução para que a estratégia de cultura organizacional funcione com êxito em todos os setores.

Reflexão sobre o trabalho

Em alguns ambientes empresariais, os colaboradores compreendem de maneira clara a cultura organizacional do local de trabalho, porém, não conseguem encontrar tempo para adotar algumas medidas diante da rotina de afazeres diários.

Para evitar que o engajamento da equipe enfraqueça, a empresa precisa implantar alternativas dentro do horário comercial que proporcionem reflexões sobre a função de cada um. Com isso, o time será incentivado a pensar em diferentes formas de otimizar seu tempo, gerando mais resultados positivos no aspecto geral.

Definição de regras

Ao estabelecer um pensamento único dentro da empresa, algumas medidas de gerenciamento devem ser inseridas para garantir que o sistema de cultura organizacional não impeça nenhum tipo de avanço no ambiente de trabalho.

Regras muito rígidas e  falta de feedback aos colaboradores costumam resultar em posturas defensivas entre os membros da equipe. Quando situações como essa forem identificadas, o planejamento da política de organização precisará ser revisto, tendo a reformulação como intuito.

Compartilhar informações

Outro fator importante consiste em sempre manter os colaboradores informados sobre eventuais mudanças e avanços impactantes dentro de todos os setores da empresa, independentemente do grau de envolvimento de cada funcionário. A medida ajuda a evitar desconfortáveis surpresas na rotina e insatisfações com a função estabelecida.

Agora que você já sabe qual é a importância de definir a cultura organizacional em uma empresa, compartilhe este post nas suas redes sociais. Assim, você fará com que essas informações importantes cheguem a outras pessoas!

Deixe seu comentário