A música venceu

Hoje a Mindup Conference inaugura uma nova categoria neste blog – a Casual Friday, ou sexta-feira casual. Depois de uma semana de trabalho intenso, você merece um dia para desfrutar de momentos relaxantes e alegres e é isso o que irá encontrar aqui toda sexta-feira. Uma música, uma boa notícia ou um texto bem-humorado que, mesmo que por alguns instantes, irão descontrair seu dia e torná-lo especial.

Nesta sexta-feira, iremos conhecer um pouco mais da história e do trabalho de um dos palestrantes da Mindup Conference, aquele que irá encerrar o evento – o Maestro João Carlos Martins.

O Maestro já foi pianista. Hoje com 71 aos, aos 28 ele se apresentou no Carnegie Hall, em Nova Iorque. Depois, sua carreira entrou em ascensão e, considerado um dos maiores intérpretes do compositor Johann Sebastian Bach, se apresentou com orquestras de todo o mundo.

Após enfrentar alguns desafios que limitaram o movimento de suas mãos, João trocou o teclado pela batuta. Tomado pelo amor e gratidão que sente pela profissão, decidiu se dedicar a projetos de inclusão cultural e social por meio da música, com a criação da Fundação Bachiana. Em 2011, ele regeu uma orquestra diferente: a bateria da escola de samba paulistana que se inspirou em sua história para criar o enredo “A música vence!”.

Além da música, o maestro dedicou-se à outra arte: a escrita. No livro “A saga das mãos” ele divide com o leitor sua trajetória, assim como irá fazer no dia 14 de agosto de 2012, na palestra “A música venceu”, no Grande Teatro do Palácio das Artes. Para fazer sua inscrição, clique aqui.

Agora que você já conhece o trabalho do Maestro, chegou a hora de ouvi-lo. Basta dar play no vídeo abaixo:

Deixe seu comentário