SAIBA COMO CRIAR UMA CULTURA DE ALTA PERFORMANCE NA EMPRESA

Você já ouviu falar em cultura de alta performance? Se ainda não, então veio ao lugar certo. Afinal de contas, esse é um tema que merece muita atenção no mundo empresarial.

A cultura pode ser um fator determinante para o desempenho dos colaboradores quando faz parte de um negócio relevante para o mercado.

Sabendo dessa importância, falarei um pouco mais sobre o assunto mostrando como você pode criar uma cultura de alta performance na sua empresa e alavancar a produtividade da sua equipe.

Cultura de alta performance

Muitas pessoas têm uma noção equivocada a respeito da cultura de alta performance. Elas acreditam que essa ideia está obrigatoriamente relacionada a um ambiente com menos rigidez, bons relacionamentos e intervalos durante o expediente.

Embora esses tópicos realmente colaborem para um clima organizacional favorável, aumentando a satisfação de qualquer equipe, não é esse o aspecto principal que define uma cultura de alta performance.

Mas afinal, o que é?

Alta performance é a classificação para um desempenho acima da média em qualquer ambiente onde haja um tipo de atividade.

Logo, uma cultura de alta performance é o conjunto de práticas que formam essa característica numa empresa. Isso inclui padrões de comportamento, hábitos compartilhados, visão e missão, além de valores individuais e coletivos.

Assim como as condições de trabalho devem favorecer essa cultura, é necessário, acima de tudo, uma atitude comprometida em extrair o melhor de cada recurso.

Benefícios para a empresa

Não é à toa que muitas empresas estão buscando definir uma cultura de alta performance. Os benefícios gerados por ela ultrapassam fatores internos, trazendo eficiência e grande impacto nos negócios. Aqui estão algumas das principais vantagens:

1. LÍDERES COMPETENTES

Os gestores da sua empresa precisam se tornar líderes de verdade para que a alta performance seja mantida. Ao empoderá-los e treiná-los, a liderança efetiva acontece. Líderes de uma equipe de alto nível precisam estar preparados para:

  • delegar;
  • fornecer feedbacks realistas;
  • comunicar e preparar novos multiplicadores de informação;
  • ensinar e aprender pensando no melhor para a empresa;
  • inovar e aceitar novas ideias;
  • formar líderes.

Essas são algumas das características esperadas para o gestor de uma equipe diferenciada.

Com esse tipo de cultura, a competência passa a pautar todas as ações adotadas em relação aos funcionários, uma vez que a cultura de alta performance não pode ser confundida — de forma alguma — com autoritarismo ou regimes de trabalho baseados em poder.

2. EQUIPE SINÉRGICA

A escolha por colaboradores deve respeitar critérios que dizem respeito à identidade da organização, bem como aqueles valores que são considerados essenciais.

É preciso ter em mente que a busca é por um profissional que queira estar naquele ambiente, sob aquelas condições e, logicamente, consiga se desenvolver em meio àqueles costumes.

A sinergia entre colaboradores é uma característica marcante de uma cultura de alta performance, refletindo em uma grande sincronicidade tanto nos procedimentos quanto nas relações.

3. ALTO NÍVEL DE PROFISSIONALISMO

O tom altamente profissional pode ser notado quando estamos diante de algum serviço ou produto e tudo parece impecável. Além disso, quando se trata do atendimento ao público, fica fácil perceber quando a equipe se comporta de forma profissional ou não.

Profissionalismo é a palavra que melhor consegue definir a maneira pela qual a empresa pretende existir para seus clientes e colaboradores.

Quando a empresa conserva uma cultura de alta performance, ela não pretende ser a família do colaborador, mas sim uma referência de excelência no seu ramo.

Gostou do conteúdo e quer continuar tendo acesso aos meus textos? Então é só curtir minha página no Facebook e ficar atento às próximas publicações. Espero você!